Orientações Técnicas – Produção Sustentável

A agricultura experimenta processos de assessoria e orientação técnica que historicamente são excludentes a agricultura familiar por não serem geradas dentro de processos participativos e de diálogos com os agricultores familiares e suas organizações sociais. Quando geradas dentro deste víeis estas permitem a criação de espaços para interação e discussão do saber cientifico e do saber dos protagonistas da agricultura familiar valorizando a geração de conhecimentos e técnicas de produção passadas de geração a geração.

Neste sentido o terraeprosa procurará apresentar nesta página experiências práticas e cientificas de natureza pública ou de iniciativa dos agricultores familiares promovendo a troca e a construção de conhecimentos considerando a diversidade, a pluralidade e a multifuncionalidade da agricultura familiar do Estado, valorizando o conhecimento cientifico e o saber do agricultor familiar para auto-suficiência e sustentabilidade com interpretação sócio produtiva, econômica e ambiental que permita a construção de uma nova matriz tecnológica aos agricultores familiares e novas oportunidades de mercado e níveis competitivos de produtividade para sustentabilidade familiar.

CALDA VIÇOSA – AÇÃO FUNGICIDA

É uma alternativa para o controle de doenças de plantas. Age também como adubo foliar e tem como base a Calda bordalesa, enriquecida com sais minerais, destacando-se o cobre, zinco, magnésio, boro e nitrogênio. Leia mais…

QUALIFICAÇÃO MUDANDO O PARADIGMA RURAL

Todo processo de qualificação profissional no meio rural visa além de melhorar o desempenho fornecer ao agricultor familiar a condição que ele precisa para participar, de maneira mais eficaz, na consolidação da sua unidade de produção enquanto meio social, produtivo, econômico e ambiental. Assim o objetivo específico é capacitar-los para responderem aos desafios – quer seja na esfera pessoal – ligado ao ego, ou profissional – ligada à tarefa diária, que o espaço rural do mundo moderno coloca diante de todas as pessoas ligadas à unidade de produção familiar e campesina. Leia mais…

PROCESSAMENTO DOS FRUTOS DO CAFEEIRO 

Com o propósito de abordar novos conhecimentos sobre a questão ambiental do processamento dos frutos do cafeeiro, o presente texto foi elaborado com o intuito de disponibilizar novas informações a respeito da caracterização das águas residuárias da lavagem e despolpa dos frutos do cafeeiro, com base em resultados de pesquisas realizadas pelo Departamento de Engenharia Agrícola e Ambiental da Universidade Federal de Viçosa. Leia mais…

ÁGUAS RESIDUÁRIAS  –  DISPOSIÇÃO E TRATAMENTO 

As águas residuárias da lavagem e despolpa de café podem trazer para o meio ambiente efeitos negativos. Desta forma o seu tratamento, de forma econômica, antes da disposição ao solo ou de seu lançamento direto em cursos d’água, torna-se necessário sobretudo em critérios ambientais rígidos e sustentáveis. Assim o trabalho mostra esta importância e nos apresenta forma sustentáveis de como realiza-lo. Leias mais…

USO DE CALDAS NA AGRICULTURA

O uso de caldas no controle a insetos e doenças nas atividades produtivas acompanham a agricultura e o saber dos agricultores familiares de geração em geração. Assim o Terra&Prosa traz a você este saber e conhecimento. Busque aqui esta orientação…

USO DE DEFENSIVOS NATURAIS EM HORTAS ORGÂNICAS

Com objetivo de trazer métodos de controle mais naturais as pragas e doenças o Terra&Prosa divulga esta experiência prática do Sertão de Pernambuco. Busque aqui esta orientação…

ANÁLISE DE SOLO E CALAGEM – DEVO FAZER? POR QUE FAZER?

A acidez sem dúvida alguma é uma das grandes preocupações, ou deveria ser dos agricultores. Corrigir esta deficiência faz a grande diferença para alcançar bons resultados em produtividade, produção final e retorno econômico. Diria que esta é a grande diferença entre realmente ser agricultor ou ser garimpeiro da terra. Esta é a diferença entre produzir priorizando as pessoas e a vida do solo, pois pensar no futuro de uma propriedade e agir para que o seu solo seja sempre produtivo e em equilíbrio com o ambiente natural. Leia mais…

CAFÉ: A QUALIDADE DO CAMPO PRESERVADA PELO ARMAZENAMENTO DE QUALIDADE 

O processo de armazenamento da produção agrícola quando bem feito preserva o produto por um determinado período mantendo suas características originais, proporcionando uma melhor gestão econômica a atividade e para o lucro da unidade produtiva. A cafeicultura não foge a esta regra quando após a colheita e secagem, necessita de armazenamento. Leia mais…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s